1000 tsurus para o Gui

Quem me conhece sabe que não sou muito dada a estas “correntes” solidárias, embora muitas vezes participe sem me dar a “conhecer”.

Mas esta “corrente” eu assino por baixo, assumo e sinto-me tocada por ela. Talvez por conhecer o Gui, e ver o ar traquina nela carinha linda de menino que sonha ter asas para voar.

O Gui tem quase 5 anos (a idade do meu irmão…) e nasceu de uma história desde o início complicada, que acabou por se revelar ainda mais complicada para a Ana Madragoa depois do Gui nascer. O Gui nasceu com Espinha Bífida e neste momento está em tratamento para que um dia, que se espera breve, possa andar e correr como todos os meninos da idade dele.

Eu gosto muito do Gui, mas gosto especialmente da Ana. É uma querida, sempre com um sorriso no rosto, sempre bem disposta e com um talento enorme.

Tanto a Ana como o Gui são presença assídua da Feira do Jardim da Estrela e nessa mesma feira surgiu esta iniciativa. Partiu da , a nossa especialista na arte de dobrar papel e foi bem aceite por todos e pela organização que inseriu nas actividades da feira esta iniciativa.

O tsuru é um pássaro sagrado no Japão. Segundo a lenda vive 1000 anos e tem o poder de conceder desejos. Quem dobrar mil tsurus e fizer o seu pedido a cada um deles, depositando toda a sua fé e esperança, verá o seu desejo realizado. É comum oferecer-se um origami tsuru como símbolo de Sorte, Paz, Felicidade e Longevidade.

Como tal, o que a propõe é que cada pessoa dobre tantos tsurus quantos quiser, para chegarmos ao número mágico [1000], o entregue na feira para que sejam expostos e oferecidos ao Gui, carregados de energia positiva e todos os desejos de muita força para continuar a sua luta e, acima de tudo, para que seja uma luta ganha.

No dia 6, sábado, deverão entregar os vossos tsurus às organizadoras, Arquitexturas (Florbela, Luisa ou Mafalda). No dia 7, domingo, poderão dobrar tsurus e vê-los expostos. Estarão na feira pessoas voluntárias que ensinarão a dobrar o tsuru.

A união, esforço e fé de muitas pessoas formarão uma corrente de energia positiva que ajudará o Gui a ultrapassar mais esta fase da sua vida. A história deste menino e da sua mamã Ana é verdadeiramente de coragem. Para saber tudo sobre eles visitem o A união, esforço e fé de muitas pessoas formarão uma corrente de energia positiva que ajudará o Gui a ultrapassar mais esta fase da sua vida. A história deste menino e da sua mamã Ana é verdadeiramente de coragem. Para saber tudo sobre eles visitem o o site da Ana Madragoa.

| A história de Sadako Sassaki |

Sadako é uma menina japonesa, nascida em 1943. Ela tinha apenas dois anos quando a bomba atómica foi lançada sobre Hiroshima (6 de Agosto de 1945). Apesar de ter crescido saudável, aos 12 anos foi-lhe diagnosticada a doença da bomba: leucemia.
Enquanto estava no hospital, um amigo trouxe-lhe alguns papéis e dobrou um pássaro, o grou. Contou-lhe que é sagrado no Japão e tem o poder de conceder desejos. Quem dobrar mil tsurus e fizer o seu pedido a cada um deles, depositando toda a sua fé e esperança, verá o seu desejo realizado.

Sadako começou então a dobrar tsurus, pedindo para se curar e voltar a viver feliz. Ao ver que piorava a cada dia, Sadako pediu paz para o mundo.
Ela não conseguiu dobrar os mil, mas os seus amigos fizeram-no por ela. Pediram por todas as crianças doentes em consequência da explosão da bomba. Formaram um clube e começaram a pedir dinheiro para erguer um monumento.

Com a contribuição de muitas escolas no Japão e noutros países, foi inaugurado, no dia 5 de Maio de 1958, o Monumento da Paz das Crianças, no Parque da Paz de Hiroshima.

Todos os anos no Dia da Paz, pessoas do mundo inteiro enviam grous de papel para o parque. As crianças desejam espalhar ao mundo a mensagem esculpida na base do monumento de Sadako: “Este é o nosso grito, esta é a nossa oração: PAZ NO MUNDO!”

——-

INSTRUÇÕES PARA DOBRAR O TSURU:

Para cada tsuru precisa de um quadrado de papel. As medidas podem variar de 12cm até 16cm.
Depois de dobrado e caso queira oferecer vários, poderá colocar-lhes um fio, para que possam ser pendurados.
Clique aqui para visionar as instruções detalhadas. Peço que antes de dobrar escrevam uma mensagem para o Gui no centro do quadrado de papel, a lápis. A mensagem ficará dentro do tsuru, escondida dos olhares mas escrita, a dar força ao Gui!

Deixo-vos também disponível para download um gráfico com instruções passo a passo que eu própria usei quando fiz os meus primeiros tsurus há muitos anos atrás. Para isso basta clicarem aqui, guardar a imagem [botão direito do rato sobre a imagem, guardar como, et voila], imprimir ou simplesmente abrir o ficheiro e seguir as instruções [pode parecer ligeiramente confuso no início, mas na verdade é bastante simples].

E já sabem, sábado e domingo tragam os vossos tsurus para o Gui.

3 comentários

  1. […] 1000 tsurus para o Gui […]

  2. Por sugestão da Maria José – Quadradinhos de Papel –
    vi as fotos dos Tsurus do Gui que foram publicadas pela
    Kookalicious.
    Como participei no desafio e não me foi possível – com muita
    pena minha – estar presente no domingo no Jardim da Estrela,
    gostaria muito de publicar no meu blog – http://www.kelyvitrais.blogspot.com
    algumas dessas fotos (gostei particularmente, na pág.1, da 3.ª foto – Gui
    olhando os seus 1900 tsurus e da 6.ª foto – Pormenor dos tsurus e na
    pág.2 das duas últimas fotos).
    Par tal, peço a vossa permissão quer da Kookalicious quer do
    Gui e da mãe Ana para o fazer. Só o farei após a vossa permissão
    para o meu email e será, sem falta, referida a fonte.
    Obrigada, desde já, pelo vosso possível contributo no meu blog
    e
    Estamos todos de Parabéns pelo objectivo cumprido!
    Sorte, Paz, Felicidade e Longevidade para o Gui!

  3. Ola boa tarde,

    Gostaria imenso de encomendar um Sling mas nao conssegui verificar quais os tecidos disponiveis, pode dar-me uma ajuda por favor?
    Cumprimentos
    Tânia Gomes


Comments RSS TrackBack Identifier URI

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s