E, para não variar muito…

…lá venho eu falar de feiras!
Pois, é verdade, sim senhores…e também é verdade que não tenho tido muito tempo para produzir nada. Ando demasiado cansada com um cansaço que já não é natural e que volta e meia faz despontar um pouquinho de febre. A prostração, essa, nem quero falar dela…
Quando chego a casa, a dor de cabeça não me larga, os tecidos realmente olham para mim, mas não tenho força para lhes pegar. Parece-me que o início deste ano não está a correr lá muito bem, no plano da saúde 😦
Já fui ao médico, e já comecei a fazer análises e exames para perceber o que se passa, porque já nem o médico acha este cansaço muito normal, especialmente depois de ter passado duas semanas praticamente só a comer e dormir.

Adiante!

O fim de semana passado foi uma “prova de resistência” [que não foi superada, já que a meio do primeiro dia já eu estava de rastos!]. Duas feiras no fim de semana é puxado…já lhe tinha perdido o ritmo. Mas valeu a pena!

Sábado, Príncipe Real

Foi dia de regresso e também dia de reencontro! Depois de mais de um mês de ausência, foi pôr conversa em dia, voltar a trocar sorrisos e rir muito.

Foi também uma espécie de “dia de festa”…festa de comemoração dos 2 anos de andanças em feiras. Para quem não sabe, a minha primeira feira, meio a brincar, meio a sério, meio à aventura, meio sem saber onde me ia meter, foi precisamente há dois anos atrás no Príncipe Real…e como o tempo voa!
Desta vez o Tempo esteve do nosso lado e o frio não foi muito, ao contrário do que aconteceu há dois anos…a feira aconteceu na véspera do dia em que nevou em Lisboa! Alguém consegue lembrar-se do frio que esteve nesse dia?!

Domingo, Terreiro do Paço

Já não ia ao Terreiro do Paço desde…Novembro, penso eu…sim, Novembro [mais uma vez…o tempo voa!] Finalmente a feira tem uma localização diferente, mais simpática, mais acessível. A CML acedeu a deixar que a feira se realize na arcada logo junto ao Arco da Rua Augusta, e a diferença é enorme! Muito mais público, muito mais gente, muito mais animação!

E parece que, com esta nova localização, até já a Polícia Municipal é cliente habitual da feira, com os seus agentes montados nas suas Segways 😉

Para este fim de semana, prevêem-se dois dias mais calmos, ou pelo menos com metade da agitação! Feira este fim de semana só no Domingo, no Jardim da Estrela.

Nesta edição onde os corações estarão mais apaixonados que nunca, irá encontrar aquela prenda desejada para a sua cara metade.

Mais uma edição recheada de talentosos artistas que trazem muitas novidades na área do Artesanato Urbano e do Design.

Na vertente de responsabilidade social da Crafts & Design no Jardim da Estrela, que se junta à Fundação Ciclo Vida com o objectivo de passar uma mensagem de prevenção e de esclarecimentos aos cuidados a ter quer em hábitos alimentares quer em controle regular de valores, será feito um rastreio gratuito durante todo o dia à Diabetes e à Tensão Arterial.

Já sabem, este Domingo promete no Jardim da Estrela 😉

Anúncios

De fim de semana em fim de semana

Esta semana passou demasiado rápida, muito mais rápida do que deveria.
Do fim de semana passado, fico a regresso às feiras, a Belém e ainda o regresso do Sol.

A boa companhia, a cor, a variedade, a boa disposição, ajudam a suportar o sono que veio atacar logo de manhã, reflectindo a quebra do ritmo destas andanças.

Mas o ritmo volta aos poucos e para isso é preciso não parar.
Por isso, este fim de semana volto, desta vez a duas feiras.

Sábado

e Domingo

Esperemos que o Sol continue connosco, os dias bonitos trazem mais gente à rua e ajudam a passar o dia mais depressa.
Se não tiverem planos para o fim de semana, fica a sugestão 🙂

De volta às feiras, finalmente!

Depois de mais de um mês de ausência…feiras!!!

Diz a minha mãe que o princípio de pneumonia não passou, na verdade, de uma grande ressaca de feiras! Depois de tantos meses ao frio e sem um espirro, bastaram-me duas semanas sem feirar para ficar de cama!
Mas finalmente já estou recuperada, por isso amanhã lá vou eu de novo de casa às costas!

E amanhã é dia de Belém. Curiosamente o mesmo sítio onde foi a última feira…:)

Se não tiverem nada que fazer, apareçam por lá 😉

Agendas para 2008

Uma das coisas que tinha planeado fazer durante as minhas férias e antes de ficar doente, era meter mãos à obra e fazer as prendas de Natal que [mesmo já atrasadas] ainda não tinha entregue.
Duas semanas de molho não é o melhor motivador para trabalhos que requerem mais minúcia e paciência, em que é preciso ter bastante atenção e daí que adiei até me sentir melhor. Como hoje!
Meti mãos à obra, e mesmo sem nunca ter feito nada parecido, forrei duas agendas.

A maior, de tamanho A5, vai amanhã direitinha para a minha “bossa” e amiga. A mais pequena, de tamanho A6, não é prenda de Natal para ninguém, é mesmo para mim.
Desde que este tecido me chegou finalmente às mãos, decidi que o primeiro projecto a fazer com ele seria exactamente estas duas agendas, e as destinatárias estavam já mais do que decididas. E conhecendo bem a Charlotte, sei que ela vai gostar =)

Mais agendas irão aparecer ao longo dos próximos dias. Tenho pelo menos mais 3 pessoas à espera [ainda] da prenda de Natal.

[Para mais informações sobre as agendas, podem contactar-me por mail.

Pregadeiras novas

Não me canso do feltro.

Pregadeiras – 5 €
[portes de envio em correio registado não incluídos]

Mais pregadeiras

Depois de um dia mais saudável, e já praticamente boa, nada como chegar ao fim do dia, já depois de jantar, sentar-me no sofá a ver um filme e ir adiantando trabalho.

Vou estar de regresso às feiras brevemente e o stock que se foi no Natal ainda não está reposto. Espera-me uma próxima semana muito atarefada, por isso nada como começar pelas coisas mais pequenas até recuperar o ritmo que perdi nas últimas semanas.

Pregadeiras – 5 €
[portes de envio em correio registado não incluídos]

Devagar, devagarinho, as coisas vão-se compondo

Finalmente, ao fim de praticamente duas semanas, começo a sentir-me melhor. Já consigo respirar [quase] bem e já sinto um pouco mais de energia. Pelo menos já tenho força para pegar em agulha e linha, o que não acontecia há dois dias atrás.

Hoje, e para preencher os tempos mortos que passo em casa, [re]comecei alguns trabalhos, dos mais simples, que não implicam nem muito esforço, nem muita paciência.

E assim nasceram 3 novas pregadeiras de feltro.

[*]
pf04 – Vendida.

Pregadeiras – 5 €
[portes de envio em correio registado não incluídos]

——-

Quero muito agradecer a todos os que me deram apoio nestes últimos dias, praticamente duas semanas que tenho passado em casa, sem poder sair para ver gente e apanhar ar. Obrigada pelos vossos comentários, as vossas visitas, os vossos e-mails. Foi importante receber o apoio desse lado, especialmente para manter alguma sanidade mental.
Os próximos dias ainda vão ser de recuperação, mas pelo menos já posso dizer que estou quase quase quase 100% bem 🙂 Muito obrigada.